Mantida indenização de R$ 200 mil para mulher que ficou com sequelas após cirurgia plástica

direito medico

(imagem da internet – ilustrativa)

A Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve em R$ 200 mil a indenização por danos morais e estéticos para mulher que, submetida a cirurgia plástica de rejuvenescimento facial, ficou com sequelas permanentes e irreversíveis. O recurso especial foi interposto exclusivamente pela paciente, sem impugnação do valor pela parte contrária.

Continuar lendo

Anúncios